Fumaça preta


Quem tem automóvel e segue à risca as leis sabe a indignação que é ver um caminhão ao seu lado emitindo aquela fumaça preta, livremente, sem nenhuma fiscalização. E os pedestres que, mais de perto tem que se submeter a isto? Na cidade de São Paulo existe o Programa de Inspeção e Manutenção de Veículos em Uso, de modo que os veículos abrangidos devem fazer a inspeção veicular, atualmente a cargo da empresa contratada Controlar. Aquele que não se submete ao procedimento no prazo ou não é aprovado dentro dele está sujeito à multa, ao bloqueio do licenciamento e, ainda, pode ter o veículo apreendido.

Várias podem ser as causas da emissão de fumaça preta em veículos movidos a diesel. A má qualidade do combustível pode contribuir para a diminuição da durabilidade de componentes importantes do motor, como os bicos injetores, aumentando a emissão de fumaça. É sempre importante a manutenção periódica do veículo, de acordo com as indicações do fabricante. Filtro de ar sujo, bomba de combustível desregulada, válvulas desreguladas, baixa compressão nos cilindros, freios sem regulagem adequada, problemas de embreagem, pneus murchos, tanque de combustível sujo e tubo de escapamento estrangulado são causas frequentes da emissão da fumaça preta. O uso correto do caminhão também é importante para evitar o problema. Fatores como excesso de carga, acelerações desnecessárias, longa operação do motor em marcha lenta e uso incorreto das marchas também relacionam-se com a emissão inadequada de fumaça.

A Cetesb possui um programa para recebimento de denúncias chamado Denuncie Fumaça Preta, destinado a receber denúncias sobre veículos movidos a disel com emissão de fumaça preta. O cadastro da denúncia é feito pelo site e você não é obrigado a se identificar. Mas, se quiser, pode inserir seus dados e depois receber um retorno sobre o resultado da apuração.

Faça sua parte pelo meio ambiente.

Anúncios
Esse post foi publicado em Consciência Ambiental e marcado , , . Guardar link permanente.